Abaixo o Monóxido de Di-hidrogênio (MDH)
Ajude nesta campanha! Inscreva-se aqui!

            Este texto traz consigo a responsabilidade de informar a população sobre os riscos oriundos de uma das substâncias mais perigosas do planeta. Trata-se do temível monóxido de di-hidrogênio (MDH). Esse composto é insípido, incolor e inodoro. Seus átomos formadores são encontrados em diversos compostos tóxicos, cáusticos e explosivos, como o ácido sulfúrico, a soda caústica e a nitroglicerina.

 

            Infelizmente, os Centros de Controle de Doenças (CDC) não classificam o MDH como um composto tóxico ou cancerígeno, apesar de ele ser componente de várias substâncias perigosas já catalogadas, doenças e riscos ambientais.

 

             Segue uma lista com os principais problemas causados pelo MDH:

 

  • Principal componente da chuva ácida;

  • Contribui para a erosão do solo;

  • No estado gasoso pode causar queimaduras graves;

  • No estado sólido pode provocar sérios danos em tecidos vivos;

  • Encontrado em biópsias de tumores;

  • Provoca a corrosão de diversos metais;

  • Pode causar defeitos em aparelhos elétricos;

  • Pode levar a óbito se inalado;

  • Variações térmicas podem justificar o fenômeno El Niño;

  • Geralmente é associado à ciclones, tsunamis e furacões;

  • Utilizado em usinas nucleares;

  • Utilizado por atletas de elite para melhorar seu desempenho;

  • Utilizado na fabricação de pesticidas, herbicidas, inseticidas, armas químicas e biológicas;

  • Utilizado na fabricação de alimentos (inclusive produtos para bebês!) supostamente naturais;

  • É um dos subprodutos da combustão de hidrocarbonetos.

Inscritos na campanha:

          São vários os sintomas causados por uma overdose de MDH: transpiração e micção excessivas, náusea, vômito, sensação de inchaço, desequilíbrio eletrolítico etc.

 

              Vale destacar que o QuiFácil não se responsabiliza pelo uso indevido da substância MDH. Cabe mais uma vez salientar que o composto é extremamente nocivo à saúde e que, infelizmente, mata milhares (milhões?) de pessoas todos os anos.

 

            O governo brasileiro não cogita proibir a produção, distribuição e o uso do monóxido de di-hidrogênio. Por isso, o QuiFácil, modestamente, se coloca à disposição de liderar uma campanha cívica para pedir o BANIMENTO DO MONÓXIDO DE DI-HIDROGÊNIO.

 

         Se você ficou sensibilizado(a) com a nossa proposta, ajude a divulgar essa ideia. Fiquem atentos(as)! Vamos cobrar uma posição das autoridades competentes!

 

Equipe QuiFácil: lutando por um Brasil melhor!

 

Inscritos na campanha:

O quifacil.com.br e as demais mídeas de divulgação da QuiFácil garantem total sigilo das informações fornecidas uma vez que recebidas pelo formulário criado através de sistema do Google Drive. A custódia de informações inseridas no formulário, além das entregues ao QuiFácil são de responsabilidade da Google Inc. e portanto, recomenda-se a leitura dos Termos de Serviço e Termos Adicionais do mesmo. Nenhum dado recebido pelo QuiFácil será utilizado para finalidade nenhuma, uma vez que a campanha é meramente humorística e o Monóxido de Di-hidrogênio é uma substância mais popularmente conhecida como água.

Site mais bem visualizado no Google Chrome

É proibida a utilização do material existente neste site para fins lucrativos.



O conteúdo pode ser utilizado por qualquer pessoa, desde que de forma pessoal e a fonte seja citada. Qualquer outra utilização do material encontrado nesse site deverá ser solicitada ao autor.



Caso algum conteúdo aqui publicado não tenha recebido o devido crédito, por gentileza,